Causa ou Consequência

Maré boa

PUBLICADO EM

19/3/2019

CAUSA: Amanhã se encerra a reunião de política monetária do Fed (Banco Central Americano), e o mercado está esperando um tom ainda mais suave na linguagem do Fed (ou dovish), a fim de justificar a redução das estimativas de juros em 2019, passando de duas altas projetadas de 0,25pp na reunião de dezembro para uma ou talvez nenhuma neste mês. Basicamente, por conta de uma expectativa de desaceleração econômica mundial liderada pelo próprio EUA – a conta ia chegar.

Além disso, esperamos o resultado do encontro entre Jair Bolsonaro e Trump, nos EUA – haverá uma entrevista coletiva conjunta às 14h45. Embora eu acredite que o encontro não trará grandes novidades no âmbito macroeconômico, é sempre bom manter uma relação com o maior país do mundo.

CONSEQUÊNCIA: O dólar segue em tendência de baixa. Contudo, ainda alerto ao “vai e vem” do processo de aprovação da reforma da Previdência. Haverá volatilidade. Sugiro aproveitarem a boa maré desses dias

Caros amigos leitores, vocês que acompanham e gostam de nossos textos, convido-os para seguirem nossa página no instagram @bancoourinvest. Lá temos stories diários sobre o mercado. Vem! #economia #câmbio #finanças #brasil

No items found.

Siga o Banco Ourinvest

Logo LinkedinLogo FacebookLogo InstagramLogo TwitterLogo YoutubeLogo Spotify

Conteúdos relacionados

11/1/22

Causa ou Consequência

Mandem suas Apostas

CAUSA: E, mais uma vez, parece que estamos iniciando o ano novo com cara de ano velho. As esperanças podem até ter sido renovadas, mas as...

Leia mais

21/12/21

Causa ou Consequência

Inflação de Natal Ourinvest: Papai Noel terá a ceia mais cara

CAUSA: Inflação já é um tema comum para todos os brasileiros e, embora a gente tenha passado por um período de calmaria, a pandemia veio...

Leia mais

Categorias

Nossa equipe de economistas

Fernanda Consorte

Economista-chefe

Economia para todos é o lema da Fernanda. Com ampla experiência no mercado financeiro, conhecimento técnico apurado e linguagem simples, a autora contribui para a tomada de decisão de clientes e empresas que necessitem desse suporte.

Veja mais

Cristiane Quartaroli

Economista

Economista formada pela USP, com mais de 15 anos de experiência nas área de Economia e Finanças, com foco em análise macroeconômica, resultando em amplo conhecimento do mercado bancário.

Veja mais

Welber Barral

Estrategista de Comex

Mestre em relações internacionais (USFC), Doutor em direito internacional (USP) e pós-doutor em Direito do comércio internacional (Georgetown University), Barral foi secretário de Comércio Exterior do Brasil de 2007 a 2011. Atualmente é, também, diretor no Departamento de Comércio exterior da FIESP e conselheiro da Câmara de Comércio Americana.

Veja mais