Causa ou Consequência

Mandem suas Apostas

CAUSA: E, mais uma vez, parece que estamos iniciando o ano novo com cara de ano velho. As esperanças podem até ter sido renovadas, mas as discussões continuam as mesmas. É o fim da pandemia que nunca chega; os temores sobre aumento de gastos em ano eleitoral (afinal, para ganhar a eleição vale tudo, ou não?); indicadores de inflação, aqui e lá fora, que não dão trégua; aumento de juros para conter a alta inflacionária e, por fim, a consequente queda nas expectativas de crescimento. Mudamos o ano, mas não mudamos o discurso.

 

CONSEQUÊNCIA: Embora o repertório pareça repetido, volatilidade continua sendo a principal característica dos mercados. Isso porque ainda há muita água (literalmente) para rolar ao longo deste ano. Então, emoção não faltará. Que dirá revisão nas projeções. Hoje, o mercado projeta que o câmbio encerrará 2022 em US$/R$ 5,60, mas nós achamos que poderá ser mais baixo à medida que as incertezas eleitorais forem minimizadas. Já o IPCA ficará na casa dos 5,03% de acordo com a pesquisa Focus, mas nós acreditamos que a pressão nas commodities elevará também as projeções de inflação. Com isso, a Selic poderá subir mais do que os 11,75% projetados pelo mercado e, como consequência, o crescimento será menor que 0,28%. Mandem suas apostas.

No items found.

Siga o Banco Ourinvest

Logo LinkedinLogo FacebookLogo InstagramLogo TwitterLogo YoutubeLogo Spotify

Conteúdos relacionados

21/12/21

Causa ou Consequência

Inflação de Natal Ourinvest: Papai Noel terá a ceia mais cara

CAUSA: Inflação já é um tema comum para todos os brasileiros e, embora a gente tenha passado por um período de calmaria, a pandemia veio...

Leia mais

7/12/21

Causa ou Consequência

Mais Juros

CAUSA: Esta semana será pautada pela última decisão do Copom do ano, que acontecerá na próxima quarta-feira. A expectativa é que o Banco...

Leia mais

Categorias

Nossa equipe de economistas

Fernanda Consorte

Economista-chefe

Economia para todos é o lema da Fernanda. Com ampla experiência no mercado financeiro, conhecimento técnico apurado e linguagem simples, a autora contribui para a tomada de decisão de clientes e empresas que necessitem desse suporte.

Veja mais

Cristiane Quartaroli

Economista

Economista formada pela USP, com mais de 15 anos de experiência nas área de Economia e Finanças, com foco em análise macroeconômica, resultando em amplo conhecimento do mercado bancário.

Veja mais

Welber Barral

Estrategista de Comex

Mestre em relações internacionais (USFC), Doutor em direito internacional (USP) e pós-doutor em Direito do comércio internacional (Georgetown University), Barral foi secretário de Comércio Exterior do Brasil de 2007 a 2011. Atualmente é, também, diretor no Departamento de Comércio exterior da FIESP e conselheiro da Câmara de Comércio Americana.

Veja mais