Causa ou Consequência

Feitiço do tempo

CAUSA: Faz exatamente um ano que estávamos no escritório e fomos avisados que deveríamos ir para casa por conta da pandemia que estava vindo da China. Me lembro como se fosse hoje! As lojas, escolas, restaurantes e todo serviço considerado não essencial seriam fechados. E como num feitiço do tempo, parece que não evoluímos e aqui estamos novamente; com nossa liberdade de ir ver afetada pela crise sanitária que só se agravou desde então. É claro que todo cuidado é pouco e necessário para conter a propagação do vírus, mas é fato que a preocupação com o futuro da nossa economia gera incerteza e volatilidade nos mercados.

CONSEQUÊNCIA: Independentemente de estarmos na fase roxa, verde ou vermelha, a verdade é que a imagem do Brasil diante dos investidores estrangeiros vai de mal a pior. Desde o início da pandemia tivemos uma saída de mais de US$15 bilhões em fluxo financeiro de nosso país. Ou seja, enquanto a vacinação continuar lenta, a pandemia avançando e a economia sofrendo cada vez mais com as restrições de circulação, dificilmente, veremos nossa taxa de câmbio ceder muito.

No items found.

Siga o Banco Ourinvest

Logo LinkedinLogo FacebookLogo InstagramLogo TwitterLogo YoutubeLogo Spotify

Conteúdos relacionados

14/9/21

Causa ou Consequência

Indefinições e risco

CAUSA: No vai e vem dos mercados observamos recentemente uma nova piora em nossa medida de risco-país

Leia mais

24/8/21

Causa ou Consequência

Movidos pela emoção

CAUSA: A vacinação está avançando no Brasil, temos mais de 50% da população vacinada com ao menos uma dose e, ao que tudo indica, os resu...

Leia mais

Categorias

Nossa equipe de economistas

Fernanda Consorte

Economista-chefe

Economia para todos é o lema da Fernanda. Com ampla experiência no mercado financeiro, conhecimento técnico apurado e linguagem simples, a autora contribui para a tomada de decisão de clientes e empresas que necessitem desse suporte.

Veja mais

Cristiane Quartaroli

Economista

Economista formada pela USP, com mais de 15 anos de experiência nas área de Economia e Finanças, com foco em análise macroeconômica, resultando em amplo conhecimento do mercado bancário.

Veja mais

Welber Barral

Estrategista de Comex

Mestre em relações internacionais (USFC), Doutor em direito internacional (USP) e pós-doutor em Direito do comércio internacional (Georgetown University), Barral foi secretário de Comércio Exterior do Brasil de 2007 a 2011. Atualmente é, também, diretor no Departamento de Comércio exterior da FIESP e conselheiro da Câmara de Comércio Americana.

Veja mais