Causa ou Consequência

Alegria de pobre dura pouco

CAUSA: O dólar fechou na semana passada em US$/R$ 4,06, dez centavos abaixo da cotação registrada na semana anterior: US$/R$ 4,16. O mercado local comemorou!! Estaríamos, finalmente, entrando em uma onda positiva? O real finalmente iria começar a se valorizar diante da moeda mais importante do mundo? Infelizmente, tomamos um banho de água fria logo no começo desta semana. O feriado chinês terminou e a nossa alegria também. O tão esperado acordo entre as duas superpotências econômicas, EUA e China, parece estar cada vez mais distante, com ameaças de ambos os lados. A votação da reforma da Previdência no Senado está andando a passos de tartaruga. E a questão da saída do Reino Unido da Zona do Euro (BREXIT) parece não ter fim. Tudo junto e misturado, nossa moeda voltou a ficar pressionada frente ao dólar, e o mercado local fica cada dia mais cauteloso.

CONSEQUÊNCIA: Fica aqui a ressalva de que não estávamos assim tão bem, certo? Nossa moeda anda desvalorizada há tempos, tivemos um refresco na semana passada, mas estamos longe do patamar em que gostaríamos de estar, ou seja, abaixo dos US$/R$4,0. Continuamos precisando de boas notícias por parte do nosso Governo e, talvez, de um pouco mais de ajuda dos nossos amigos ricos. Quem sabe no próximo feriado...

No items found.

Siga o Banco Ourinvest

Logo LinkedinLogo FacebookLogo InstagramLogo TwitterLogo YoutubeLogo Spotify

Conteúdos relacionados

14/9/21

Causa ou Consequência

Indefinições e risco

CAUSA: No vai e vem dos mercados observamos recentemente uma nova piora em nossa medida de risco-país

Leia mais

24/8/21

Causa ou Consequência

Movidos pela emoção

CAUSA: A vacinação está avançando no Brasil, temos mais de 50% da população vacinada com ao menos uma dose e, ao que tudo indica, os resu...

Leia mais

Categorias

Nossa equipe de economistas

Fernanda Consorte

Economista-chefe

Economia para todos é o lema da Fernanda. Com ampla experiência no mercado financeiro, conhecimento técnico apurado e linguagem simples, a autora contribui para a tomada de decisão de clientes e empresas que necessitem desse suporte.

Veja mais

Cristiane Quartaroli

Economista

Economista formada pela USP, com mais de 15 anos de experiência nas área de Economia e Finanças, com foco em análise macroeconômica, resultando em amplo conhecimento do mercado bancário.

Veja mais

Welber Barral

Estrategista de Comex

Mestre em relações internacionais (USFC), Doutor em direito internacional (USP) e pós-doutor em Direito do comércio internacional (Georgetown University), Barral foi secretário de Comércio Exterior do Brasil de 2007 a 2011. Atualmente é, também, diretor no Departamento de Comércio exterior da FIESP e conselheiro da Câmara de Comércio Americana.

Veja mais